IO: O Último na Terra – Original Netflix – CRÍTICA

IO: O Último na Terra, é uma produção original Netflix, que aborda o o fim da humanidade e seu inevitável êxodo para IO, uma das luas de Júpiter. E, dali, iniciar as buscas para outros cantos habitáveis da galáxia. Samantha Walden (Margareth Qualley), é uma cientista em busca da cura por meio da apicultura. Na esperança de que as abelhas sejam capazes de realizar polinização e salvar o mundo. Este texto não contém spoilers.

A Terra deste universo nos é apresentada como um planeta que sucumbiu a exploração humana. Como forma de livrar-se da humanidade, sufocou tudo e todos no planeta e forçou um êxodo massivo para as estrelas. No entanto, Harry Walden (Danny Huston), pai de Samantha, apela aos humanos para que eles fiquem. Para que não desistam da Terra, nosso planeta natal.

IO O Último na Terra crítica netflix

A protagonista, Samantha, após um incidente climático que compromete sua pesquisa, começa a duvidar do andamento dos estudos. Eis que conhece Micah (Anthony Mackie), um viajante enigmático que chega a zona segura de Sam por meio da transmissão de emergência

IO: O Último na Terra, apesar de carregar belos simbolismos ao Êxodo e à mitologia, não se sustenta no protagonismo de Margareth Qualley. Que se mostra apática e pouco relacionável. Sua personagem é rasa, culpa de um roteiro que transita entre várias referências de filmes de ficção científica consolidados. Mas acaba não acertando a mão em determinar um estilo para chamar de seu.

IO O Último na Terra crítica netflix

Anthony Mackie, no entanto, acaba por roubar a cena com seus rompantes de raiva, que auxiliam o andamento da história mais do que as próprias vontades de Sam, que parecem simplesmente flutuar em tela.


Sobre o Autor

Lucas Aquino
Cresceu vendo atos heroicos de Luke Skywalker, Leia Organa e Harry Potter; fã do cinema da década de 80 e geek desde os 12 anos. Roteirista, escritor e na constante busca por igualdade no cenário nerd/geek. Também conhecido por Luquino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *