KIM HYUN JOONG – O FIASCO DO NOVO ALBÚM “NEW WAY”

Precisamos falar do novo álbum do KIM Hyun Joong

Essa resenha não tem finalidade de defender Kim Hyun Joong de suas acusações judiciais, analisei o álbum como analiso de qualquer outro artista. Mas você tem liberdade de interpretar como quiser

Kim Hyun Joong foi acusado de ter agredido a ex namorada em 2014, e apesar de ter sido inocentado das acusações, depois de anos de processo, o cantor, ator e ex-líder do SS501 ficou completamente queimado entre fãs de kpop e mulheres que tiveram contato com seu caso.

Mas ele tentou se reerguer lançando um novo trabalho como ator e como cantor. Como dorama não é a minha área, eu esperei o lançamento de seu novo álbum “New Way” que é literalmente o cantor tentando arrumar um novo caminho.

Kim Hyun Joong

Antes de entrar no serviço militar, Kim Hyun Joong disse que quando saísse iria se dedicar a fazer musicas mais tranquilas e sem muito efeito.

Dito e feito, aqui temos um álbum completamente trabalhado com banda e sem sintetizador. Nada de baladinha pop. Nada de rap. Nada de efeito. Só Kim Hyun Joong e sua voz. Infelizmente para o ex-flower boy isso não foi o suficiente para fazer um álbum bom. Na verdade… ele é bem fraco.

Se esse álbum refletir o gosto musical real do Kim Hyun Joong, entendo porque ele passou toda a sua carreira cantando musica de outras pessoas. Não estou desmerecendo o estilo escolhido pelo cantor, mas tendo ele seu publico reduzido, sua imagem difamada e com dificuldade de arrecadar mais fãs, a mudança de estilo foi feita na pior hora e da pior maneira.

A musica de trabalho “Why” é uma resposta para a própria pergunta feita “Por quê?”. Vamos detalhar.

  • O MV é… chato. Não tem sentimento. Não é bonito. É em… Paris(?). Tem legenda em francês (??). Está em câmera lenta, mas é chato de ver porque o resto do contexto não faz sentido. Nada conversa com nada. E de novo porque o MV está diretamente legendado em francês? Não é legenda do YouTube, é legenda do vídeo. Mas que bagunça é essa?
  • A musica é introduzida com um “Hello” tão desafinado que a Adele tá sofrendo. Acredito que a desafinação da palavra seja para dar uma entonação mais sofrida na musica. Mas ficou uma bosta! Não, não tem outra palavra. É ruim de ouvir. Fora que essa palavra se repete muito durante a musica, se tornando realmente incômoda.

Decidida a ir mais a fundo no que levou Kim Hyun Joong a tomar a decisão de usar essa musica como a principal de seu trabalho, eu fui ouvir o álbum. E como diz a nossa maravilhosa internet, “foi só derrota”.

Kim Hyun Joong

Todas as baladas tem a mesma pegada, é como se fosse um álbum que dissesse “me perdoa por existir, toma aqui essas musicas”. Não colou. Não agradou. Sorry, next.

As musicas mais… animadas, se é que eu posso chamar assim, tem um peso mais rock’n roll e o Kim Hyun Joong combina muito bem com esse estilo, vide que os álbuns japoneses dele tem uma qualidade e variedade musical muito melhor do que dos álbuns coreanos. Mas isso não ajudou Kim Hyun Joong em nada com esse álbum.

  • MISERY — é uma musica complicada, porque o arranjo é bom, mas “you are so fuckin beautiful” foi um pouco além do que a musica precisava. Não tem nem como explicar como incomoda. Como ta forçado. Essa frase ficaria no minimo aceitável se ele fizesse isso com um pouco mais de intensidade, mas ele colocou de um jeito que… não sei.
  • TAKE MY HAND — Como precisava fazer valer a pena que alguém produzisse esse álbum, essa musica presta. É o estilo do Kim Hyun Joong, a voz encaixa bem, o instrumental é bonito, não abusa do inglês (grazadeus), não fica achando que tem gogó extenso então as notas altas são todas no tom dele. Perfeita! Se essa fosse a musica de trabalho eu compraria o álbum achando que é bom. INFELIZMENTE, ela é filha única de pai solteiro.

E se você achava que não tinha como ficar pior… Queridas, estamos falando de Kim Hyun Joong, SEMPRE dá pra ficar pior. E o nome dela é “So What” e ela… é… toda… em… inglês. Ou seja lá que idioma for esse que ele canta. Kim Hyun Joong nunca aprendeu a falar inglês, ele sabe um total de 0 em inglês. Alguém me explica porque ele decidiu cantar uma musica INTEIRA em inglês? E ainda por cima é ruim.

Kim Hyun Joong

Eu disse lá em cima que o problema não é o estilo, a verdade é que a execução do álbum não foi boa, muita musica com pegada melancólica, triste, é tipo uma bad sem fim, com alguns momentos de fúria no meio. Elas nem mesmo tem a pegada romântica que as musicas dele costumam ter, então se alguma delas é romântica, peça perdão ao deus das musicas românticas porque você matou todas elas. O ideal para ele nesse momento seria fazer uma musica  chiclete, bem popular, bem do jeito que o povo gosta. Assim mesmo aqueles que rejeitam seu retorno não poderiam negar que a musica dele gruda em seus ouvidos. Optando pelo estilo bad ele só vai criar mais rejeição a ele mesmo.

Kim Hyun Joong

Vamos combinar, ninguém aqui ta sentindo pena do Kim Hyun Joong.

Eu sinceramente esperava mais. Ele nunca foi inovador, mas também nunca foi ruim. Tava sempre na média. Se ele tentou ser diferente ou ele mesmo, sugiro que volte a cantar musica de outras pessoas e fazer o que o púbico gosta, é o único jeito de tentar se manter ainda que ruim das pernas.

ANÁLISE DA PELA COLABORADORA JENNIFER CANAVEZES

Siga o DORAMA ATM no instagram para muito mais > AQUI 


Sobre o Autor

Dandara Aryadne
Editora, Artista plástica, ilustradora. Criadora e web influencer do site Cinema ATM onde escrevo algumas coisinhas sobre os filmes que assisto.

9 comentários sobre “KIM HYUN JOONG – O FIASCO DO NOVO ALBÚM “NEW WAY”

  1. Kolea Sueliui disse:
    Avatar

    Gostei muito do novo álbum dele. Embora muitas tenham virado as costas para ele e ficam falando coisas desnecessárias, o Kim Hyun Joong é um ótimo ator e cantor, e suas milhares fãs verdadeiras continuam ao lado dele .

    • Dandara Aryadne disse:
      Dandara Aryadne

      Ah acredito que sim. Eu mesma fui fã dele por muitos anos. Até hoje escuto algumas músicas solo dele, assumo. Mas acho que meu gosto atual não casa muito com o que ele está fazendo… Mas obrigada por comentar Kolea! Volte sempre <3

  2. Erica Townsend disse:
    Avatar

    Nossa seus comentãrios foram pessimos…quanto mais eu vivo mais eu vejo seres humanos como vc ( se ẽ que posso chamar assim) fazer uma critica tao dura e tao sem noçao…Vc não é musicista e muito menos atriz para saber a area que ele trabalha…lave sua boca com sabao pois ele esta se levantando espero que voce nao passe por isso…vc sabia que ele quase se matou…pessoas com as suas atitudes deveriam ser presas por difamaçao….Continue na sua insignificancia que afinal de contas ninguem conhece seu nome mas enquanto ao Kim ele sera sempre lembrado por sua garra em aturar pessoas como vc!! Beijos querida

    • Dandara Aryadne disse:
      Dandara Aryadne

      Erica, em algum momento a autora desta crítica lhe ofendeu diretamente? Ela escreveu comentários que lhe causou constrangimento online ou lhe afetou psicologicamente? A autora desta crítica lhe direcionou em privado por qualquer meio midiático palavras direcionadas a ódio ou escarnio?

      Não.

      Então, favor não fazer o mesmo. Seu comentário é valido por você ter gostado do álbum e ser fã, mas não é válido por xingar ou menosprezar a opinião alheia, seja ela a favor ou contra a sua.

      Grata.

    • samanta moreno ramos disse:
      Avatar

      concordo com vc o álbum ficou bom uma nova pegada quem gosta é muito bom , e as pessoas que não gostem que estava acostumados com o velho estilo eu espero que ele encontre a paz pra fazer seus trabalhos e se realize com eles.

      • Dandara Aryadne disse:
        Dandara Aryadne

        Samanta, só queremos que ele não cresça mais em volta de polêmicas sabe? Ele sempre foi um garoto de ouro para a Coreia e para nós e ver a carreira dele assim machuca. Mas todos tem a chance do recomeço. Infelizmente ele não acertou dessa vez pra mim e nem para a autora da crítica, mas espero que na próxima ele avance ainda mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *